Itens da ceia têm variação de até 76% no preço, aponta Disque Economia

Compartilhe
Tags

A palavra de ordem é “pesquisar” antes de comprar o panetone, o peru, o pernil e o espumante para as ceias de fim de ano. Isso porque a variação de preço de um mesmo produto pode chegar a 76% em diferentes supermercados de Curitiba. É o que aponta a pesquisa mais recente do Disque Economia, da Prefeitura. Na sondagem, a equipe do serviço da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Smab) percorreu 11 estabelecimentos da capital.

“Muitos supermercados fazem promoções diárias, levando a grandes variações. Por isso, é importante que as pessoas façam a comparação dos preços”, orienta Simone Roque, coordenadora do serviço da Prefeitura. Foram pesquisados 89 itens. A lista é formada panetone, peru, pernil, espumante, sidra, chocotone, aves para ceia, lombo e tender. Simone salienta que, até 21 de dezembro, o Disque Economia fará acompanhamentos diários, que estarão disponíveis em http://disqueeconomia.curitiba.pr.gov.br .

Campeões

Entre os itens pesquisados, a maior variação foi constatada no preço das aves para a ceia. Seis marcas foram monitoradas e a diferença chegou a 76%. No caso das bebidas típicas de festa, a sidra apresentou a maior diferença de preço entre um supermercado e outro: 64% (foram pesquisadas 13 marcas, entre sidras e espumantes, inclusive sem álcool). Outro campeão de diferença de valor é o pernil suíno, que apresentou uma variação de preço de 59% para um mesmo produto (cinco marcas foram monitoradas).

Vinte fabricantes de panetones e chocotones fizeram parte do levantamento do Disque Economia. No caso dos panetones, a maior variação de preço de um determinado produto chegou a 56%. No caso dos chocotones, a diferença entre um estabelecimento e outro, para um mesmo produto, foi de até 51%.

Das opções de tender para a ceia, a pesquisa do Disque Economia encontrou diferenças de até 57% para um mesmo item, entre as quatro marcas pesquisadas. No caso do peru, a variação de um mesmo produto em diferentes supermercados chegou a 23% (três marcas foram monitoradas).

Em relação ao lombo, a diferença entre quatro marcas chegou a 26% para um mesmo produto entre os pontos pesquisados. Já os espumantes monitorados apresentaram uma variação de 52% para um mesmo produto.

Serviço

A pesquisa de preços dos produtos das ceias de fim de ano já está disponível para consulta no site do Disque Economia (http://disqueeconomia.curitiba.pr.gov.br). Basta clicar no menu “Produtos Épocas Especiais”.

 

Foto: Pedro Ribas/SMCS